15 de fev de 2016

O Anjo apresenta-se a João

Paz a todos,

play e ouça!

    Continuando nosso estudo sobre o primeiro capítulo do livro bíblico Apocalipse:

9 Eu, João, que também sou vosso irmão, e companheiro na aflição, e no reino, e paciência de Jesus Cristo, estava na ilha chamada Patmos, por causa da palavra de Deus, e pelo testemunho de Jesus Cristo.
    Quem escreveu o livro como já falei aqui foi o apóstolo João que assim como aquele povo tinha paciência assim como aquele povo. Essa paciência foi adquirida de esperar que as promessas do Senhor se cumprissem. Aqui João fala como aquele que é humano como os irmãos para quem estava escrevendo e que também sofreu muita perseguição.

    Não há esse relato na Bíblia, mas alguns relatos históricos falam que uma vez o imperador romano estava determinado a matar João e mandou matá-lo jogando ele num tanque de óleo fervendo. Aí o povo gritava pra João: Cadê o teu Deus? João ergueu as mãos aos céus e orou.
    Ai mergulharam ele e o povo começou a gritar: É um milagre, ele nem está ferido!O seu Jesus o está protegendo!
    Dizem também que também que em outra oportunidade deram veneno para ele beber e nada aconteceu ... é muita glória.

10 Eu fui arrebatado no Espírito no dia do Senhor, e ouvi detrás de mim uma grande voz, como de trombeta,

    João não foi ao céu fisicamente, ele teve uma visão.
    Sei que vou falar sobre algo bem polêmico e de forma alguma quero ofender ok? O sábado era o dia de culto oficial do Judaísmo, mas, como o Senhor Jesus ressuscitou no primeiro dia da semana, o domingo, a igreja primitiva adotou esse dia oficial de culto (At. 20.7; ICo 16.2 ). Já viram que a oração do pai nosso na Bíblia é chamada de oração dominical?
     Se você estudar sobre a alteração de calendários e como fomos mudando a forma de contar os dias é difícil determinar qual dia corresponde ao "verdadeiro sábado" do antigo testamento. Eu, Aline, acho que assim como na criação do mundo para cada seis períodos trabalhados devemos sim descansar um período e dedicá-lo ao Senhor.

11 Que dizia: Eu sou o Alfa e o Ômega, o primeiro e o derradeiro; e o que vês, escreve-o num livro, e envia-o às sete igrejas que estão na Ásia: a Éfeso, e a Esmirna, e a Pérgamo, e a Tiatira, e a Sardes, e a Filadélfia, e a Laodicéia.
    Olha aí o nome das sete igrejas para quem João escreveu Apocalipse.

12 E virei-me para ver quem falava comigo. E, virando-me, vi sete castiçais de ouro;
    Os sete castiçais são as sete igrejas representando a função de trazer a luz do evangelho (II Co 4.4) a um mundo corrompido (Fl. 2.15). Lembre-se que sete igrejas representa algo completo, veremos todas as características que uma igreja possa ter e certamente você vai se identificar com algumas.
13 E no meio dos sete castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro.
    Ele vê um anjo com vestes sacerdotais (Hb. 1.14; Dn 10.5,6).

14 E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo;
    Cabelos brancos não significam só velhice, para os judeus são vistos como honra, símbolo de sabedoria e experiência (Pv 20.8).

Seus comentários são muito importantes!!!!!!!!! Ótima semana.
Beijos e paz.
Imagens retiradas da internet










By Aline Dutra

Nenhum comentário :

Postar um comentário