20 de mar de 2016

Os Benefícios de Saúde do Chocolate


Páscoa é época de muito chocolate e muitos não sabem que chocolate possui benefícios para saúde.
Você provavelmente já leu que o chocolate age em seu cérebro, fazendo com que libere neurotransmissores de "felicidade". Serotonina, dopamina e endorfina.

Como o café, o chocolate também é uma poderosa fonte de polifenóis antioxidantes.
Mas os amantes de chocolate também sabem que é uma ferramenta útil para melhorar o desempenho de formas menos conhecidas.

Na verdade, o cacau exerce um efeito sistêmico sobre o corpo, com benefícios como a melhora do fluxo sanguíneo e melhora na cognição para alterações benéficas nas bactérias do intestino!







Aqui estão alguns dos benefícios mais importantes do chocolate (além do sabor...)

1. Moderador de alta pressão.
Um dos efeitos mais sedutores em consumir o chocolate é a sua melhora no humor. Seu humor é ainda mais importante quando você está estressado.
Felizmente, o chocolate pode ajudar mesmo em situações de alta pressão, de acordo com um estudo.
Os participantes foram convidados a completar tarefas de subtração de série de três e setes (contagem regressiva por 3s e 7s) e uma tarefa visual de processamento de informação rápida para teste de atenção sustentada.
Aqueles que consumiram bebidas com cacau e flavanol antes do teste, tiveram um desempenho melhor que o grupo que não tomou.

2. Manutenção de um sistema cardiovascular saudável
O consumo regular de chocolate também está associado com marcadores de melhoria para a saúde cardiovascular.
Nomeadamente, os polifenóis do cacau aumentam o colesterol HDL (o bom), que por sua vez leva à diminuição do colesterol LDL oxidada (o tipo mau).
Outros efeitos incluem níveis mais elevados de óxido nítrico em circulação e reduz a adesão de plaquetas, resultando na melhoria da função endotelial.

3. O chocolate faz sua pele brilhar... E pode reduzir as queimaduras solares.
Outra coisa legal é que o chocolate vai ajudá-lo a manter a pele saudável, modulando o fluxo de sangue.
Em um estudo, dois grupos de mulheres consumiram uma alta ou baixa quantidade de cacau em pó por um período de 12 semanas.
Embora o grupo de baixo flavanol não apresentasse qualquer alteração nos marcadores da saúde da pele, os sujeitos no grupo do flavanol alto tiveram em média 25% de redução do eritema induzido por UV (queimadura solar) após a exposição a um simulador solar.
Além disso, os grupos de flavanol elevados registraram aumento da densidade e da espessura da pele, bem como uma melhor hidratação e menos perda de água transepidérmica.

4.  Poderosos antioxidantes ajudam nas inflamações.
O chocolate tem propriedades de modulação da inflamação.
Num estudo, os ratos obesos suplementados com cacau em pó tinham níveis saudáveis ​​de inflamação e de insulina.
Estes ratos também tiveram uma redução de 30% nos níveis plasmáticos do principal mediador pró-inflamatório interleucina 6.
Um estudo descobriu uma relação inversa entre o consumo de chocolate escuro e proteína C-reativa.

5. Chocolate é um probiótico!
Embora muitos estudos falassem sobre os polifenóis no cacau atuando diretamente para modular biomarcadores, o mais provável é o caso de que, pelo menos, algum efeito seja indireto que funcione através da interação com a microbiota intestinal.
A investigação sugere que os baixos flavonóides do cacau, tais como epicatequina e catequina, podem ser absorvidos diretamente na circulação sanguínea, (a menos que você misture-os com leite), mas isso não é assim para os polifenóis maiores.
Neste caso, a microflora do cólon trabalha para quebrar polifenóis de elevados pesos molecular, de modo que os metabolitos secundários menores podem circular por todo o corpo.
Os efeitos do cacau sobre o sistema imunológico.
Se as bactérias do intestino são alimentadas com os polifenóis maiores de cacau, depois a composição da microbiota intestinal será alterada.
De fato, um estudo descobriu um efeito probiótico benéfico, com alto consumo de flavanol.
Depois de um período de 4 semanas de consumo de cacau em pó com alta quantidade flavanol, os sujeitos tiveram um aumento significativo nas populações de bifidobactérias e lactobacilos, bem como diminuiu significativamente os níveis de Clostridia.
Isto foi acompanhado em diminuir significativamente a proteína C-reactiva (que se correlaciona com redução da inflamação no corpo), o qual foi associado com alterações particularmente em lactobacilos.

6. Rejuvenescimento celular.
Por último, mas certamente não menos importante, o cacau pode aumentar a biogênese mitocondrial, ou, a criação de novas mitocôndrias! Se você já leu sobre essa vantagem, você sabe o quanto é importante ter mitocôndrias saudáveis, e mais delas.
O flavanol epicatequina no chocolate que é responsável pela mitogénese. Num estudo, a administração via oral de epicatequina para ratinhos tiveram numerosos biomarcadores em relação aqueles de ratos jovens, incluindo sirtuina 1, um regulador bem reconhecido de biogénese mitocondrial.
Em outro estudo com camundongos, o tratamento com epicatequina melhorou o desempenho do exercício por 50% em comparação ao grupo controlado e maior resistência à fadiga muscular por 30%.
A epicatequina também registra aumentos significativos no volume mitocondrial em amostras de tecidos dos camundongos e nos músculos cardíacos.

Como vimos o chocolate tem vários benefícios e inclui-lo na dieta é uma forma sabia principalmente se você gosta muito dessa guloseima e sofre com a falta dela.
O melhor método para ter o peso ideal é não se privar das coisas que você gosta e sim comer com mais sabedoria controlando a quantidade e a ansiedade.
Se você tem muita ansiedade por doce, coma sempre uma fruta 10 min antes de ir para uma sobremesa seja de chocolate ou não, dessa forma você terá mais controle e sucesso na dieta para emagrecer.
O chocolate não é engordativo se você usar de maneira correta. Você pode consumir até 25 gramas por dia, acima de 75% de cacau, sempre de cor mais escuro e meio amargo.
Dessa forma ele traz mais benefícios à saúde e vai ajudar você a emagrecer por varias razões como: diminui a saciedade por doces, diminui a fome, acelera o metabolismo e outros.
Se você trabalha muito, tem uma rotina agitada, é um atleta ou gosta de fazer exercícios, no seu caso o chocolate vai ajudar e dar bastante energia e disposição e lembre-se de combina-lo com frutas, iogurte, utiliza-lo em pó adicionando ao leite de manha ou comer uma pequena barra de 25 gramas após o almoço.
Além do chocolate existem outros alimentos que promovem o alivio do estresse e ansiedade. Assista o vídeo e conheça os melhores alimentos para aliviar esses e outros sintomas:

Nenhum comentário :

Postar um comentário